orçamento apertado

Seu orçamento está apertado? Saiba o que pode ser feito

O dinheiro que você ganha não está conseguindo cobrir os gastos básicos? O orçamento anda apertado? Pois é, independentemente do salário, essa é uma situação que pode ser bastante comum quando há um desequilíbrio entre o que ganhamos e pagamos.

Afinal, ter que lidar com as suas despesas vai muito além de só pagar as contas básicas do mês. É preciso ter consciência de que aquilo que você ganha não pode ser insuficiente para manter o seu estilo de vida.

Logo, conhecer algumas estratégias para manter as contas equilibradas é a melhor forma de ter uma boa saúde financeira. Por isso, separamos algumas coisas que você pode fazer quando estiver com o orçamento apertado. Entenda!

Qual a importância do planejamento financeiro pessoal?

Sejamos sinceros: acumular dívidas não é uma tarefa tão difícil. As facilidades, como cartão de crédito e cheque especial, garantem dinheiro extra e estão à disposição de qualquer um, basta ter uma conta-corrente. O problema é que a falta de equilíbrio no consumo atrai um resultado bastante amargo: dívidas e nome sujo.

Nesse sentido, qualquer medida que ajude a melhorar a relação do consumidor com o dinheiro cai bem. Aqui, planejar-se financeiramente é uma das melhores formas de alcançar esse propósito.

Além disso, o planejamento pode ajudar você a guardar dinheiro para atingir um objetivo, como realizar uma viagem, fazer um curso ou comprar um carro. Ainda, você poderá ficar mais tranquilo em relação a emergências, como uma cirurgia.

O que fazer quando o orçamento estiver apertado?

Existem algumas coisas que podem ser mudadas em relação aos hábitos financeiros que fazem toda a diferença no orçamento. Vamos conhecer quais são elas!

Conheça as suas despesas

Anotar todos os seus principais gastos, ou seja, aqueles essenciais e também os supérfluos, será o primeiro passo para lidar com o seu orçamento. Você pode anotá-los em qualquer ferramenta de registro, como uma planilha ou um caderno. Essa será uma atitude fundamental para entender como você gasta o dinheiro, no que está desperdiçando e no que deveria investir mais. Feito isso, vamos para o segundo tópico.

Reduza as despesas por ordem de importância

Com as anotações dos valores, você poderá pôr em prática a organização de suas despesas de acordo com a importância delas. O objetivo é colocar em ordem os custos fundamentais e começar a reduzi-los ou exclui-los. Uma boa dica é definir uma meta de redução a cada mês. Por exemplo, diminuir a conta de luz em 10%, depois em 20% e assim por diante.

Reveja os seus hábitos de consumo

Não adianta apenas cuidar das questões financeiras externas, a mudança precisa também ser interna. Portanto, a maneira como o dinheiro é utilizado precisa ser revista, principalmente em casos de orçamento apertado.

Mudar o uso dos eletrodomésticos, por exemplo, já faz uma grande diferença na conta do final do mês. Além disso, preparar as refeições em casa e pagar o máximo de coisas à vista também são pequenas atitudes que já provocam uma alteração nos valores de suas despesas.

Comece a investir

O dinheiro que você vai economizar com as dicas que mostramos nos tópicos anteriores não pode ficar parado. Investir é a melhor forma de dar uma direção às suas economias, além de aumentar seu patrimônio. Inclusive, isso pode ajudar a garantir uma aposentadoria mais tranquila. Nesse caso, mais do que fazer uma poupança, o interessante é procurar outros tipos de investimentos para diversificar um pouco seus rendimentos e obter mais possibilidades de lucros.

Cuide de suas dívidas

Se você está com o orçamento apertado e ainda tem dívidas, as coisas serão um pouco mais complicadas para conseguir voltar ao equilíbrio. Contudo, com a estratégia certa, é possível lidar com qualquer tipo de despesa.

No caso das dívidas, sabemos que existem algumas taxas que dificultam ainda mais a sua quitação. Uma boa tática é realizar outro empréstimo com condições mais acessíveis, como juros menores, para pagar um débito mais alto. Mesmo que você ainda tenha que arcar com uma dívida, terá muito mais chances de pagá-la.

Qual é a importância da reserva de emergência?

Imprevistos acontecem com todos nós, mas saber que você tem como se proteger financeiramente diante deles muda completamente sua relação com os acontecimentos da vida. O hábito de ter uma reserva financeira é justamente para lidar com essas situações. Imagine que a sua casa passe por uma infiltração ou que algum membro da sua família precise urgentemente de uma cirurgia?

Se você não tem dinheiro, precisará recorrer a algum tipo de crédito, o qual terá que arcar depois. No entanto, com uma reserva de emergência, você não precisará ter esse tipo de preocupação. Portanto, o ideal é sempre separar uma porcentagem do seu salário para esse fim. Caso não queira deixar esse valor parado, coloque o montante em um investimento. Mas lembre-se: por ser uma reserva financeira, o ideal é que você invista em uma aplicação com resgate rápido.

Como conseguir juntar uma grana extra?

Além de reduzir os gastos e mudar alguns hábitos de consumo, aumentar seus rendimentos é fundamental para melhorar o orçamento. Algumas estratégias para obter dinheiro extra podem ajudar, e muito, nesse objetivo.

Você deve ter a consciência de que provavelmente terá que arranjar mais de uma ocupação, ou seja, terá que utilizar o seu tempo livre. Existem diversas opções, por exemplo, trabalhar como freelancer ou até transformar um hobby em algo comercial.

Outra dica é vender objetos que não são mais usados. Assim, dê uma olhada nas suas roupas, nos aparelhos eletrônicos e nas coisas que você guarda com a ilusão de um dia utilizá-las. Dessa maneira, além de ganhar um dinheiro, você também libera espaço em sua casa.

Até aqui, foi possível acompanhar algumas orientações interessantes sobre como lidar com o orçamento apertado. Esperamos que você tenha entendido a importância do planejamento financeiro para a conquista dos seus objetivos. Use nossas dicas, organize-se de forma correta e melhore a sua relação com o dinheiro.

Lembre-se que você também pode sempre contar com a opção do Crédito Pessoal. Quer saber mais? Clique aqui e veja como a VIACERTA pode te ajudar!

Não perca nenhum post!
Assine nosso blog e receba conteúdos gratuitos diretamente em seu email.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

5 Comentários

    Avatar

    eu agradeço muito esta empresa via certa pois ja precisei e fui muito bem atendida.poriço recomendo a todos que precisarem sao gente muito cerias.muito obrigada a todos.

      Olá Celia! Tudo bem? Nós que agradecemos por escolher a VIACERTA Financiadora e sempre que precisar, conte conosco 🙂

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.